G®¡†öS ON-LINE

online

QUANTOS JÁ G®¡†A®AM

Free Counter

Maio 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
26
27
28
29
30
31
Sábado, 5 de Janeiro de 2008

GRITO DE MIM

GRITO...

GRITO E NÃO ME OUÇO,

NESTE MUNDO DE LOUCOS.

A MINHA VOZ SOA MUDA,

MAS MESMO ASSIM ,

NADA ME DERRUBA.

*

GRITO...

MAIS UMA VEZ, GRITO,

E LÁ LONGE NO INFINITO,

OUÇO O ECO DE MIM,

NUM VAZIO INFINITO,

DE DÔR...MÁGUA...SOLIDÃO.

*

E...

*

GRITO...

ASSIM NÃO ESTOU SÓ,

ESTOU EU E O MEU GRITO,

O GRITO DE MIM.

*

AUTOR DO POEMA: **ESTRELADEMIM**  5/01/08

0016qf5c

QUEM G®¡†öU :EU: ஜॐ♥ஜ___Estrelinh@___ஜॐ♥ஜ às 15:41
LINK DO G®¡†öS | G®¡†A TAMBEM | ADIÇIONA® A G®¡†öS FAVORITOS
14 comentários:
De Maria Clarinda a 5 de Janeiro de 2008 às 18:38
"...GRITO...

MAIS UMA VEZ, GRITO,

E LÁ LONGE NO INFINITO,

OUÇO O ECO DE MIM,

NUM VAZIO INFINITO,

DE DÔR...MÁGUA...SOLIDÃO..."

Que bom visitar este cantinho e o poema maravilhoso.
Jhs aos dois

De ஜॐ♥ஜ___Estrelinh@___ஜॐ♥ஜ a 5 de Janeiro de 2008 às 18:44
Amiga Mª Clarinda obrigado pela visita que nos deixa imensamente honrados ...foi um poema saído mesmo de um grito de dôr,e por xs saem estes belos trechos também o amei...
beijinho doce para ti querida...um óptimo fim de semana
De Olhos de Mel a 5 de Janeiro de 2008 às 23:39
Oie minha amiga linda! Obrigada pela visita e pelo carinho! Amei seu blog! Amei seu post! Minha amiga; nunca estara só, enquanto tiver Deus em seu coração. Amigos são companheiros que ainda distantes, podemos estender a mão para amparar. Conte conosco. Efeneto, nunca se sinta só, porque a mão de Deus, afaga seu coração e enxuga suas lágrimas, ainda que não percebe. Ainda que não saiba.
Lindo poema a 4 mãos! Parabéns pra vocês!
Que em 2008 possamos contar com a doçura dos dois por inúmeras vezes!
Beijos
De ஜॐ♥ஜ___Estrelinh@___ஜॐ♥ஜ a 6 de Janeiro de 2008 às 00:27
Querida amiga...
super feliz por teres aceitado o convite para vires conheçer este nosso espaço...
é um espaço dos dois onde podemos gritar juntos ou separados...neste caso fui eu que gritei...o próximo será o efeneto ...é uma experiênçia que espero que dê bons frutos pois somos grandes e bons amigos...e juntos queremos presentiar nossos amigos com nossa gritaria ,esperamos que seja do agrado de todos...muito obrigado por teu ramo de palavras doces...recebe meu terno beijinho doce gritado...
De lua prateada a 5 de Janeiro de 2008 às 23:51
MEU GRITO!!!
AO VOSSO SE UNE
QUEBRANDO O GELO DAS MAIS ALTAS MONTANHAS!...
ARREBATANDO TODOS OS CORAÇÕES
PENETRANDO EM TODAS AS ENTRANHAS!!!
PARABÉNS AMIGOS...

SOL
De ஜॐ♥ஜ___Estrelinh@___ஜॐ♥ஜ a 6 de Janeiro de 2008 às 00:29
Querida Sol...
feliz por teres vindo conheçer nosso grito que esperamos que seja do agrado de todos os nossos amigos...
obrigado tambem pelo ramo de doces palavras...recebe o meu beijinho doce gritado...
De efeneto a 6 de Janeiro de 2008 às 10:09
...quando a amizade e a tolerância é a base de todas as coisas boas que existem na vida entre pessoas, o resultado é este. Partilha de ideias, palavras, emoções, sentimentos, respeito...principalmente respeito. É bom, levantar de manhã e olhar-mos o rosto amarrotado dos lençóis no espelho. È bom compô-lo, arranja-lo, liberta-lo dos restos do sono e prepara-lo para a liberdade de mais um dia vivo. È bom, levantar de manha e olharmos as nossas ideias partilhadas noutro espelho. É bom ler um espaço partilhado, saboreá-lo como se saboreia o café da manha. Tal como o café da manha é a principal refeição do dia, a leitura deve fazer parte desse momento. Leite, com café ou cereais, uma bolacha e palavras, algumas palavras, tornam 15 minutos de prazer num dia de alegria. É bom visitar este nosso espaço logo de manha e depois de, quem sabe de uma noite de amor, prolongar esse sonho com as nossas palavras e imagens. Obrigado pela partilha. Vamos gritar juntos para que os amigos nos ouçam. efeneto
De ஜॐ♥ஜ___Estrelinh@___ஜॐ♥ஜ a 6 de Janeiro de 2008 às 10:34
E é tão bom de caneca na mão e um pãozinho c/manteiga ou c/uma simples geleia de morango , de frente com o munitor do meu PC...saborear o que me vai entrando pela boca e olhando mais uma xs o monitor degustar-me com belos ramos de palavras doces e maravilhosas como tu nos sabes contemplar , perante ti sinto-me pequena...perante ti sou mesmo pequena...mas juntos somos grandes,obrigado amigo por me proporcionares esta experiênçia maravilhosa, é de pessoas como tu que o mundo precisa( maravilhosas) eu...tenho-te como uma pessoa maravilhosa...obrigado por existires e fazeres parte da minha vida,obrigado por me maravilhares com este tão belo pequeno almoço de palavras belas...tem um bom dia...beijinho doce gritado...
e então ...GRITEMOS juntos
De G®¡†ö SEM ®OS†ö a 6 de Janeiro de 2008 às 18:58
Mas que maravilha este grito de ti.

Belissimo este poema.

Gritemos sempre, vale a pena...Seremos ouvidos.

bjgrande
De ஜॐ♥ஜ___Estrelinh@___ஜॐ♥ஜ a 6 de Janeiro de 2008 às 19:09
pena não te identificares...gosto de saber a quem respondo...mas...gritemos então...
se eu gritei e ouviste...bem vindo ao meu/nosso grito... beijinho doce
De ஜॐ♥ஜ___Estrelinh@___ஜॐ♥ஜ a 6 de Janeiro de 2008 às 19:13
já sei!!!
és alguem que gosta de me deixar á nora com os IPS mas desta xs nao te vou dar esse gosto...pois não irei queimar as minhas estrelinhas a pensar nisso...dorme com a anja que com o anjo vou eu
De Manuela a 7 de Janeiro de 2008 às 13:22
Aqui vai o meu grito também.
ESTOU FARTA DESTE GOVERNO...
DESTE MUNDO...DAS INJUSTIÇAS...DOS MAUS TRATOS ÁS CRIANÇAS...ETC...
AHHHHHHHHHHHHHHHH!!!!!

Pronto já fiquei melhor

Obrigada.

Beijinho

Manuela
De ஜॐ♥ஜ___Estrelinh@___ஜॐ♥ஜ a 7 de Janeiro de 2008 às 17:47
Querida Manuela...
Boa tarde amiga, obrigado por teres dado teu grito,
gratos por tua visita...tem um bom iniçio de semana e.......grita...grita sempre para que não se te cale a tua voz...
beijinho doce gritado...desta dupla de gritos
De efeneto a 7 de Janeiro de 2008 às 18:21
*manuela*
Este espaço destina-se a "gritar".
Neste caso estou solidário e grito também...

G®¡†A® POS†

MAIS SOB®E OS G®¡†öS...

G®¡†ö NO TEMPO

G®¡†öS recentes...

VAMOS G®¡†AR Á AMIZADE

Desculpa!

Ø G®¡†ö á falta do teu p...

Ø G®¡†ö do Luar e das Est...

Ø G®¡†ö de um Silêncio

Ø G®¡†ö recebeu um miminh...

G®¡†öS A®QUIVADOS...